Thursday, 25 June 2015

O meu 1º blog...

Saudações a todos os comensais,

De certeza que veio aqui parar por dois motivos: ou estava a procurar temas sobre comida, gastronomia e afins, ou pela tal palavra que se encontra no titulo deste blog....nada contra! Montes de gente o procura pela Internet e quem diz que não,...provavelmente está a mentir.
Mas chega de falar sobre si... o que me leva a criar e manter um blog sobre porn food? Até há bem pouco tempo atrás, eu nem sabia o que isso era. Era apenas mais um, com a panca de registar foto graficamente os pratos que me eram servidos nos restaurantes. Longe de mim sonhar que era um conceito estabelecido e que até tinha um nome próprio, nesta era do social networking... Porn Food. E porquê mais um sobre este tema? É que tenho tanta foto e informação, que é um peso grande de mais para um único homem carregar... quero providenciar informação aos outros, quando tanta vezes recorro a estes meios, para decidir a próxima mesa de batalha. Assim partilharei convosco, os "bitaites" sobre os restaurantes em si e fornecei a prova fotográfica, tal detective privado que prova a infidelidade de alguém.
Ah, nota importante: tipicamente, o porn food tem traços de arte, qual playmates...grandes produções, luz ideal e o angulo perfeito, com uma dose de Photoshop em cima. As minhas fotos, pelo contrário são a girl next door. 
Para estarem alinhados comigo, descrevo quais os meus critérios e expectativas para aquilo que considero um bom sitio para suprir a mais basica das necessidades humanas:
Qualidade - seja tradicional portuguesa, etnica, autor, internacional ou fusão espero ingredientes de qualidade e confecção aprimorada.
Quantidade - não tem de ser em quantidades industriais, mas sou de sustento. Gosto de me sentir saciado. Equilibrio exige-se...
Acompanhamento - Vinho quer comida e comida é com vinho. Sou homem de vinho. A lista de vinhos é para mim um fator muito importante, na determinação do sucesso de uma refeição. Uma lista não precisa de ter mil e uma marcas, mas espero encontrar alguma diversidade: além dos tintos e brancos da praxe encontrar alguma oferta de espumantes, rosés, generosos e vinho a copo é sinal de maturidade de quem elabora a lista. Por fim e muito importate, o preço. Sabemos que nos restaurantes o vinho paga-se... acho razoável que o valor da garrafa ronde as 2x, 2.5x o valor da mesma garrafa no retalho. Acima disso é abuso e chego mesmo a considerar falta de visão estratégica.
Preço - a dolorosa...tema sempre polémico, até porque nem todos os sitios são equiparáveis. Há lugares para todos, e existirão sempre sitios para as várias gamas de preços. Para mim, o que me interessa é se o valor é justo e está adequado ao serviço prestado. Se deixarmos de fora os restaurantes de topo, onde assumo que o preço por cabeça começa nos 40€/50€ (e upa, upa por ai acima), tipicamente divido em 2 categorias: abaixo dos 20€/pax e acima.As expectativas essas levam em consideração o preço, obviamente. Há coisas que "perdoamos" num sitio mais em conta, que noutro lugar mais caro somos intransigentes.

Chega de conversa e vamos ás fotos. Espero que vos ajude a escolher o proximo campo de batalha...

1 comment: