Friday, 24 July 2015

Estava em falta ... falarmos de leitão

Há terras e regiões que se (con)fundem com a sua gastronomia. Provavelmente, a Mealhada e o seu leitão assado é um dos melhores exemplo disso. Estratégicamente localizada a meio caminho entre as duas maiores urbes da nossa nação, no coração da região da Bairrada, eis que o pequeno porco ou suckling pig, mostra todo o seu esplendor.




Nome: Churrasqueira Rocha
Data da visita: Julho de 2015
Localização: Mealhada, na estrada para o Luso
Comentário: há muito que estava prometida uma paragem na Mealhada para matar a saudade de leitão e de preferência ficar a conhecer um novo spot. À semelhança de outros pitéus, também o leitão gera sempre polémica ... se perguntarmos a 10 pessoas distintas qual o melhor leitão da Mealhada obteremos 10 respostas diferentes. Mais uma vez o amigo Google, nos identifica um sítio com dezenas de comentários e altas avaliações ... estava decidido.
A Churrasqueira Rocha, segue o tipico layout das grandes casas de leitão da região: edificio de grandes dimensões à face da estrada, com estacionamento privativo abundante à porta, sala de dimensões generosas com uma decoraçao simples e funcional e as mesas geometricamente dispostas de modo a acomodar o maior numero possível de comensais.
Confortávelmente instalado à mesa, as hostes começam com uns croquetes de leitão acabados de fritar. Fantásticos. O pão, aquele tipico das sandes de leitão é fresco e aparentava ter sido feito recentemente. Divinal. A casa tem carta mas honestamente nem para lá olhei. A escolha estava feita há horas e ia ser leitão. A dose individual consiste em três nacos de generosas dimensões, guarnecida com batata frita e salada. Delicioso. A carne do leitão era macia e extremamente saborosa. A pele estava estaladiça e cozinhada na perfeição. As batatas estaladiças, secas, e pouco salgadas estavam à altura.
Para acompanhar, a escolha recaiu sobre o vinho do mês servido a copo: um Quinta Abibes 2011 tinto, um néctar da região. Aliás, uma nota muito positiva para as secção do vinho. Não só abundava oferta de vinhos da região da Bairrada como estava disponivel uma nota técnica e uma nota de prova muito completa do vinho do mês. Um pormenor fantástico e que não se vê com frequência. Arrisco-me a dizer que não tenho memoria de encontrar tal registo documental do vinho servido num restaurante. Tal feito mereceu uma evidência fotográfica. Os apreciadores de espumantes ficarão satisfeitos, pois faziam parte da oferta algumas marcas de referência da região da Bairrada tais como Caves S. Domingos, Marquês de Marialva e Quinta de Abibes a 8.00€ a garrafa. Preços muito razoáveis.
Para finalizar, optei por um quente e frio, também ele de generosas dimensões. Cumpriu sem deslumbrar, mas deu para perceber que era de confecção caseira.
Tudo isto embrulhado numa nota de 20€/pax. Sabemos que leitão não é uma opção económica, pelo que os 20€/pax estão alinhados com a restante oferta equiparável.
Repeteco? Claramente.  Quando a saudade do pequeno porco apertar, a Rocha será a escolha provável.


1 comment: