Sunday, 3 April 2016

Há peixe bom e fresco na margem sul

"Escondidinho" podia muito bem ser a palavra que melhor descreve este spot. Com poucas ou nenhumas referências na Grande Rede e definitivamente longe dos olhares dos que passam por mero acaso, proponho com este post dar a conhecer um sítio, simples e honesto para comer peixe fresco ... ah, e barato. Vamos aos Sarilhos Grandes. 




Nome: Tasca da Lota
Data da visita: Março de 2016
Localização: Lançada, Sarilhos Grandes, Montijo
Comentário: de vez em vez a Tasca da Lota é o eleito para receber este vosso contador ao almoço.  Bem escondido nas ruelas dos Sarilhos Grandes, dificilmente será uma visita de ocasião. É preciso conhecer. Numa pequena casa branca em zona de descampado, a cidade capital no horizonte, lembra-nos que estamos na margem sul e não numa recôndita vila alentejana.Discreto e muito simples, nesta tasca a grelha é o principal ativo. Há carnes mas é o peixe que nos faz cá vir e voltar. Dito com orgulho pelo proprietário, é fresco e resultado de visitas diárias à lota. À vista dos comensais e prontos a serem escolhidos para repasto, dourada, robalo e salmão são presenças assiduas na carta, que não é bem uma carta ... escolhe-se o peixe que se pretende e avisa-se quem está a servir. O staff esse, à imagem do spot em si é do mais honesto, simples e despretensioso que poderemos encontrar. Aqui a simplicidade é a imagem dominante e o "tasca" no nome começa a fazer sentido, porém as mesas sempre compostas com comensais locais conseguem transmitir alguma segurança, mesmo aos menos adeptos das tasquinhas.
Desta, a escolha foi para uma dourada escalada grelhada na brasa, acompanhada com batata cozida e salada bem temperada. Mão um pouco pesada para o sal, mas o peixe confirmadamente fesco, estava bem grelhado e saboroso. Coube ao branco, com marca da casa, acompanhar o petisco. De origem desconhecida, mas com evidentes aromas a moscatel, servido fresco soube casar muito bem com a dourada. A carta das sobremesas, não é imensa, mas conta com alguma doçaria caseira ... apesar de não ser propriamente algo no topo das minhas escolhas usuais, senti um impulso de avançar sobre o arroz doce. Estava bom, e conseguiu terminar em beleza o fight.
Com café incluido, tudo isto por 7.50€, preço de diária. Um valor muito, muito justo que faz desta tasca um spot a revisitar.
Repeteco? Sim. Voltarei, seja para a dourada ou robalo quando andar por aquelas bandas.

Aproveite para seguir o Lambetacho no Bloglovin    Follow

Tasca da Lota Menu, Reviews, Photos, Location and Info - Zomato

No comments:

Post a Comment