Sunday, 2 October 2016

Simples prazeres da vida, na Madeira

Nem mais! Estamos de regresso à nossa mui lusa e formosa  Pérola do Atlântico, a ilha da Madeira. Se na Madeira encontramos cozinha ao mais alto nível, desde os mais tradicionais pratos à cozinha internacional, há também espaço para experimentar os simples sabores. Ir à Madeira e não comer um preguinho em bolo de caco, é simplesmente errado!





Nome: O Salgadinho
Data da visita: Agosto de 2016
Localização: marina da Calheta, Madeira
Comentários: há dias assim ... se por norma gosto de dedicar tempo e concentração aos pratos típicos, acompanhado por um (sempre) bom vinho da região, dias há em que sabemos que serão os sabores simples e honestos que nos saciarão. Este era um desses dias, e após uma intensa manhã de "não fazer nada" numa das poucas praias de areia fina na ilha Maravilha, havia três conceitos que insistiam em não sair da mente: um prego com tudo a que tivesse direito de bolo de caco, lapas e Coral, fresquinha como de outra forma não pode ser. O snack-bar Salgadinho, no porto de recreio da Calheta e escassos metros da praia, por sinal bem cotado no TripAdvisor, pareceu ser o templo disposto a acolher as minhas preces. Com uma esplanada bem instalada com vistas para a marina e um letreiro a anunciar "Há lapas", ... done!
vista para a marina
Instalados e bem protegidos do ardente sol que se fazia sentir neste dia, vamos analisando a lista, composta pelos típicos snacks, algum marisco e um ou outro prato do dia. E eis que lá estava o prego em bolo de caco!
  
close-up do prego
A decisão estava portanto, mais do que tomada e avançamos com determinação para umas lapas e Coral para acalmar o ratinho. O serviço não era propriamente rápido, bem pelo contrário ... requer alguma paciência e descontração ... o que não falta, ou não deve faltar, quando se está de férias. Mas valeu a pena! As lapas estavam fantásticas ... rijinhas, com bom sabor a manteiga de alho e limão. Estava pronto para receber o prego e ... mais Coral, claro está. Para quem chegou agora ao texto, e não saiba a que me refiro, Coral é uma marca de cerveja local. Com mais uma dose de paciência, cuja paz e calma do sítio ajudava, apesar de estarmos num ponto turístico, eis que chega a tão esperada sandes. Uma senhora sandes diga-se. O bife era de óbiva qualidade, assim como a frescura da salada.
As batatas caseiras, tinham sido acabadas de fritar e não estavam demasiado salgadas. Não há muito mais a dissertar ...  simples e honesto.
Mencionei que o serviço não foi propriamente rápido, mas estaria a ser inusto se não fizesse menção á simpatia do staff.
Uns minutos mais a usufruir da vista e chega a hora da conta, cujo valor rondou os 8€/pax. Justo, sem nada a apontar.
Repeteco? Se voltar à Calheta, sim voltarei. Se anda por esses lados e quiser usufruir dos simples prazeres da vida, vá sem medo ao Salgadinho.


Aproveite para seguir o Lambetacho no Bloglovin    Follow

1 comment: